sexta-feira, 22 de julho de 2011

Público privado

Adaptação do Itaquerão para a Copa sangra cofres públicos em quase R$ 1 bi e dá ao Corinthians estádio melhor

O "convite" para adaptar o projeto de seu futuro estádio para receber a abertura da Copa do Mundo de 2014 rendeu ao Corinthians investimento de R$ 935 milhões do poder público, por enquanto.

Novas exigências da Fifa não incluídas no orçamento devem aumentar essa conta.

Antes de ser credenciada a abrigar partidas da Copa, a arena corintiana custaria R$ 350 milhões e deveria ser paga com dinheiro exclusivamente privado. Agora, tem diversas facilidades proporcionadas pelo poder público.

Além de receber aporte de dinheiro estatal, o Corinthians poderá pagar a parte que lhe cabe (R$ 400 milhões) em 15 anos, com uma taxa de juros privilegiada.

Isso porque é o BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social) que irá emprestar essa quantia ao fundo imobiliário criado para viabilizar a obra. Leia matéria completa... Público privado