segunda-feira, 5 de setembro de 2011

7 de Setembro, Independência do Brasil!

Independência do Brasil




Denomina-se independência do Brasil o processo que culminou com a emancipação política desse país do Reino Unido de Portugal, Brasil e Algarves, no início do século XIX. Oficialmente, a data comemorada é a de 7 de setembro de 1822, em que ocorreu o chamado "Grito do Ipiranga". De acordo com a historiografia clássica do país, nesta data, às margens do riacho Ipiranga (atual cidade de São Paulo), o Príncipe-regente D. Pedro de Alcântara bradou perante a sua comitiva: "Independência ou Morte!". Determinados aspectos dessa versão, no entanto, são contestados por alguns historiadores em nossos dias. A moderna historiografia em História do Brasil remete o início do processo de independência à transferência da corte portuguesa para o Brasil, no contexto da Guerra Peninsular, a partir de 1808. (fonte: Wikipédia ). Nesses 189 anos de independência do Brasil em relação ao Reino de Portugal, passamos por diversas situações de dependência externa. Se formos analisar a história da humanidade observaremos que 189 anos de independência não significa quase nada, se comparado a história do mundo antigo. Portanto, há pouco começamos a andar com nossas próprias pernas. Durante seculos fomos explorados pelos nossos colonizadores, e tivemos um papel secundário no cenário mundial. A formação da nossa sociedade esta repleta de fatores, que se não explicam totalmente, dizem muito sobre o que somos como nação. Desde a chegada dos portugueses por aqui, toda espécie de atrocidade foi patrocinada pela coroa portuguesa e pela igreja. O Brasil, teve sua formação na base do roubo e das falcatruas, assim, se criou uma elite opressora e opulenta, continuando assim o processo de exploração iniciado pelos europeus. A Independência não significou soberania. O pais continuou dependendo e muito da Europa, que tinha nessa "elite" brasileira o que precisava para continuar seu domínio sobre nossas terras. O tempo passou, algumas coisas mudaram, a dependência externa se transformou por conta da Globalização. Hoje podemos dizer sem medo de errar, que todos os países são dependentes uns dos outros, então, tentar ser independente nesses tempos é pura utopia. A verdadeira luta de nossos dias é contra a corrupção que rouba nossas riquezas, desvia nossos investimentos e nos torna menos competitivos em um mundo globalizado. Quem nunca ouviu falar em "Custo Brasil"? Vivemos em um pais caríssimo com serviços péssimos. Nossas empresas não conseguem competir por conta da alta carga tributaria, falta de infraestrutura necessária e falta de tecnologia. Então, ficamos a mercê da classe política, totalmente fisiológica, demagoga e corporativista. Precisamos nos tornarmos independentes dessa "corja" que rouba os cofres públicos e minam nossas riquezas, estes sim, produzem pobreza e violência. Neste 7 de Setembro, precisamos começar nosso processo de independência da corrupção...