quinta-feira, 8 de abril de 2010

O drama nosso de cada dia.

Faz algum tempo que nao posto nada aqui no Blog, estava sem inspiracao pra escrever, e confesso que ainda estou. Acho que estou ficando chato de mais, reclamando muito e as pessoas nao gostam disso. Afinal, cada um ja tem suas proprias queixas, ninguem precisa de mais acido no estomago. No entanto, acompanhando a tragedia das chuvas no RJ e o caos que sinto na pele aqui em Sao Paulo resolvi expor minha indignacao. Esses dias de tormentas no Rio tem garoado e feito frio aqui em SP. Nem de perto se pode comparar com o sofrimento dos nossos irmaos cariocas, porem nao deixa de ser um drama. Moro no extremo da zona norte de Sao Paulo, deixo meu carro no metro parada inglesa e venho de metro ate o centro onde trabalho. O Metro e sempre muito lotado e para sempre entre uma estacao e outra, fazendo com que as estacoes fiquem lotadas piorando o meio de tranporte a cada parada, enfim, depois de muitos apertos, empurroes e mal humor gratuito desembarco no centro onde trabalho. Ontem 07/04/2010, precisei ir ate o Expo Transamerica, na Marginal Pinheiros Regiao de Santo Amaro, nao entrarei em detalhes, basta dizer que sai do Centro as 18:20 usando como meio de transporte o carro e consegui chegar ao meu destino as 21:00, nao podendo participar da Feira Intermodal, feira essa de extrema importancia para mim. Quer dizer, nenhum meio de transporte ascessivel ao cidadao comum funciona nessa cidade. Lembrando, estava apenas garoando, nao tinhamos alagamentos, deslizamentos nem mortes. Agora vamos ao RJ, onde a situacao e infinitamente pior e nossos politicos vem com o velho discurso: temos que impedir que as pessoas morem em areas de risco, como se eles tivessem ido morar nas encostas dos morros minutos apenas antes da tragedia, o se tivessem escolhido morarem pendurados num morro porque gostam, ou porque acham bonito morar numa favela, me poupem dos seus discursos hipocritas, me mostrem onde esta o Brasil que da certo, o Brasil da propaganda, o Brasil que resolve o problema do Haiti ou o conflito entre Palestinos e Judeus. Nossos problemas estao aqui, embaixo dos nossos narizes, batendo a nossa porta, o lixo que foi posto embaixo do tapete esta clamando para ser exposto, e a midia esta avida para mostrar, exceto os meios que tem seus interesses nesse ou naquele politico, os blogs, twitters e internet em geral estao ai mostrando toda essa sujeira. Estou indignado com o numero de mortes no RJ por causa das chuvas, mas se nao e chuva e o trafico, sao as estradas, e a fome, sao as doencas tipicas de paises subdesenvolvidos. Chega, por que pra ser politico nao se exige experiencia administrativa e nao se cobra resultados? A propaganda basta? E nos, o que estamos fazendo para melhorar essa situacao? Basta!